quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Poesia Matuta!

O "Homi" e "Mulé"


"Homi" é bicho engraçado
"Homi" é bicho safado
"Homi" pensa que é sabido
Mas junto de "mulé", tá é perdido

"Homi" gosta de farrear
Outras cabrochas afeiçoar
"Homi" acha que esconde
Mas "mulé" vê de loonge!

"Homi" se vê um rabo de saia,
Fica que é fogo só
E a "mulé" que num si atrapaia
Dá-lhe logo uma no gogó!

 - 'Tá olhando o que cabra safado?'
 - 'Né nada não minha flô,
Tava olhando aquele bordado!'
 Fala isso desaprumado e muda de cor!

"Mulé" é bicho faceiro
"Mulé" é bicho traiçoeiro
"Mulé" é bicho astuto
Mais ainda "mulé" de matuto!

"Mulé" é bom demais,
Tem umas que nem Satanás!
"Mulé" é bicho que encanta
Nem toda "mulé" é santa.

"Homi" quando apronta chega cheio de manha
Trás presente, flor e doce
Chega logo e faz campanha
Como se namorado fosse.

A "mulé" descofiada de tanta "agradação"
Com carinho e com dengo
Arranca tudo do cristão
E "homi" tão sabido, acaba se f....




Autor: Bruno Loreto Guedes

Nenhum comentário: