quarta-feira, 19 de junho de 2013

Revoltas Eclodindo em Todo País através de Caminhadas e Balbúrdias!

Olá caros leitores,

Hoje dia 19/06/2013 os jornais mostraram a continuação do movimento.
Dia 18/06/2013 os principais jornais da cidade trouxeram estampados a Manchete que falava das passeatas contra corrupção realizadas segunda dia 17/06/2013. Caminhada que ocorreu em 11 capitais do País.
Interessante falar sobre esse tema é que houveram as caminhadas, porém sem que qualquer partido político pudesse requerer a autoria, aqueles que tentaram tiveram as bandeiras rasgadas.
As perguntas básicas que se levantam é: Pelo que eles estão brigando? Por que ideologia? Qual a finalidade? Qual o fim do movimento?
Um movimento em teoria acéfalo, sem uma cabeça principal, um movimento difuso com a finalidade de acabar com a corrupção.

terça-feira, 11 de junho de 2013

Eu tenho direito a Recompensa se devolvo algo que achei?!

O tema da postagem de hoje é a pergunta acima.
Bom, eu quero responder isso pois entendo que muitos brasileiros não fazem ideia do direito que os assiste. Sim é um direito e tem LEI falando sobre o direito, inclusive percentual estabelecido na mesma. O Código Civil dedicou toda uma Seção para falar sobre isso.
Nosso post de hoje é educativo, Seção II : Da Descoberta!

quinta-feira, 6 de junho de 2013

Lançaram um Sonegômetro no Brasil!

Olá caro leitor,

Essa agora foi ótima, lançaram o sonegômetro, uma antítese o impostômetro que lançaram anteriormente. Piada, pior que não, se duvida pode entrar no site: http://www.sonegometro.com/ . Justificam os procuradores da fazenda que é para mostrar quanto se perde e que por causa disso os impostos são tão altos.
Entramos agora em uma ceara difícil. Eu discordo dessa fundamentação. O que acontece assim é uma oroboro, a serpente que come o próprio rabo. Aumentam-se impostos por alto índice de sonegação, sonega-se pelo abuso praticado pelo poder público que praticamente EXTORQUE o contribuinte. O cidadão comum que paga seus impostos se vê encurralado até chegar ao desespero de sonegar, então aumenta-se o imposto pois sonegam mais.