segunda-feira, 28 de abril de 2014

Política, Filosofia, Por que todos se acham no direito de acreditar que dominam os assuntos?

Olá caro Leitor!

Primeira pergunta já percebeu como as pessoas costumam acreditar que conhecem, dominam e tem capacidade plena de discutir filosofia, mesmo que seja com um filósofo formado, e política achando que todo mundo sabe menos, acreditando que dominam o assunto?
Engraçado que as pessoas não procuram saber a história de vida de ninguém, simplesmente supõe que por ter tal idade a pessoa nada sabe.
Engraçado ouvir uma pessoa me dizendo que eu poderia aprender estando em tal lugar, e o que eu vi foi na verdade pessoas velhas que nada sabiam a respeito do que acreditavam saber. Pessoas que sabiam menos que eu de política, e querendo me convencer que sabiam muito.
A mesma pessoa que falou que eu ia aprender política chegou para tentar ensinar filosofia para um amigo que é filósofo formado na Universidade.
Política eu nasci e cresci vendo e ouvindo... aprendendo... Observando... Não sou PHD no assunto, mas não sou nenhum leigo. E um pessoal reacionário querendo pagar de entendedor, com uma "política" de oposição burra que só sabe criticar e nenhuma proposta de melhora...
Pessoas que pensam que sabem, pessoas que acham que a idade te dará conhecimento absoluto de todos os temas. 
Amigo leitor essa postagem é meramente para dizer:

quinta-feira, 24 de abril de 2014

Questão Polêmica: Aborto!

Olá caros leitores,

Estou relapso, admito. Chegando as eleições no Brasil, novamente serão levantadas questões polêmicas e que parecem longe de ter uma solução.
A mais polêmica de todas creio que ainda seja a questão do ABORTO, afinal, você é a favor do aborto ou contra?
Meus amigos, como não se trata de um texto acadêmico e sim opinativo aqui vai o que penso sobre o tema.
Se sou a favor? Nunca, sob nenhuma hipótese eu tiraria um filho meu. Tentaria ao máximo convencer minha parceira a se preciso fosse me dar a criança pra criar.
Porém, assim como não sou a favor das drogas e sou a favor de sua legalização, eu sou a favor da legalização do aborto.
Como assim? Simples... Para mim aborto é questão de EDUCAÇÃO,  CONSCIENTIZAÇÃO, não de repressão do Estado.
Proibido ou não a prática é feita, e muitas mulheres vão para o hospital com infecções e em estado grave de saúde por um procedimento realizado porcamente.
Do ponto de vista do Estado como ente LAICO, ou seja, ele não deve tender para um lado religioso, o Estado tem que garantir a saúde pública, sendo essa uma questão de saúde pública.
As famílias se esfacelam, dilaceram, desmoronam e não educam, não ensinam e não orientam mais os seus, como resultado, os valores da vida são desfeitos, trocados por bens de consumo, banalizando o valor que a vida humana possui.
Nesse cenário passa-se a cobrar do Estado uma função educadora, mas a sociedade esquece que esse dever é dela. Sou a favor da conversa de mostrar a atrocidade que é cometer o aborto. Se a mulher quiser fazer tudo bem, mas antes vai ter que assistir um vídeo de um aborto sendo realizado, para ela ver o que irá se passar com o bebê dentro do seu ventre.
Reprimir por reprimir é inútil, precisamos educar e mostrar outras soluções. Sou a favor da legalização do aborto. Mas sou mais a favor da vida. Quando novamente valorarmos a vida como a coisa mais importante na terra, não mais precisaremos de leis informando que tirá-la é um crime.

Eu sou Elrond Bruno e digo, fanatismo religioso só tem dizimado populações, meu movimento é pela tolerância e o seu?